PROVA ONLINE
(EXPERIMENTAL)

SAIR

PARTE OBJETIVA

MEDICINA INTERNA (10 QUESTÕES)

1) As salmoneloses podem manifestar-se clinicamente no homem das seguintes formas, EXCETO:

A. gastroenterocolite aguda
B. bacteremia
C. infecções localizadas
D. estado de portador crônico
E. tifo exantemático

    

 

2) A infecção oportunista que da mais letalidade nos pacientes com AIDS é:

A. a nocardiose
B. a infecção por Legionella pneumophila
C. a pneumonia por Pneumocystis carinii
D. Rhodococcus equi
E. Mycoplasma pneumoniae

    

 

3) A extração de oxigénio no leito capilar coronariano é, em média:

A. 35% em condições normais e 80% durante o esforço
B. 45% em condições normais e 100% durante o esforço
C. 10% em condições normais e 45% durante o esforço
D. 75% em condições normais e 100% durante o esforço
E. 30% em condições normais e 50% durante o esforço

    

 

4) Qual dos remedios abaixo enumerados e um bloqueador da síntese de colesterol:

A. metirapona
B. somatostatina
C. aminoglutetimida
D. cetoconazol
E. todas acima enumeradas

    

 

5) Em geral, pacientes com infecção por ______________________________________ têm paroxismos febris a cada 48h (febre terçã):

A. P. malariae, P. vivax e P. ovale
B. P. malariae, P. falciparum e P. ovale
C. P. falciparum, P. vivax e P. ovale
D. P. malariae, P. vivax
E. P. vivax e P. ovale

    

 

6) Homem, com 75 anos de idade, procura assistência devido a cansaço aos grandes esforços e desmaios, com ecocardiograma indicando estenose aórtica grave. A única alternativa de terapia medicamentosa de longo prazo admitida para o caso é:

A. inibidor da ECA
B. nitrato
C. antagonista de cálcio.
D. fenitoína.
E. profilaxia antibiótica.

    

 

7) Entre as estratégias adotadas que objetivam a diminuição da incidência da infecção pelo HIV entre os usuários de drogas injetáveis, os Programas de Redução de Danos (PRD) têm alcançado grande eficiência. Entre as várias medidas adotadas nesses projetos, constitui prioridade:

A. reduzir o consumo de drogas injetáveis
B. eliminar o consumo de drogas injetáveis
C. internação obrigatoria em centros de reabilitação de usuarios de drogas
D. propaganda contra uso compartilhado da mesma agulha e/ou seringa para inoculação de drogas injetáveis
E. troca ou distribuição de agulhas e seringas estéreis

    

 

8) Para evitar a refluxo gastroesofagico um paciente tem que:

A. reduzir o numero de cigarros/dia
B. evitar grandes refeições antes de um esforço fisico
C. evitar as bebidas com gás
D. elevar a cabeceira da cama
E. evitar o uso de colar

    

 

9) A saturação da transferrina está baixa sem existir carência de ferro em caso de:

A. anemia falciforme
B. poliartrite reumatóide
C. linfoma de Hodgkin
D. pacientes hemodialisados
E. gestantes

    

 

10) Na anemia sideroblastica, tipo adquirido reversível, o mecanismo patogenetico consta em:

A. mutação na primeira enzima da síntese porfirínica
B. mutações no DNA mitocondrial, que prejudicam a ação de uma enzima que converte o íon férrico em íon ferroso
C. interferência na interação entre a piridoxina (vitamina B6) e a ALA sintase
D. quelação do principal ion constituente da enzima mitocondrial que converte íon férrico em íon ferroso (citocromo oxidase)
E. formação de uma proteína intestinal (metalotioneína) capaz de quelar tudo o cobre da dieta

    

 

CIRURGIA (10 QUESTÕES)

11) Paciente menciona, há cerca de 24 horas, dor constante na região inguinal associada a náuseas. Ao exame físico verificam-se tumoração inguinal irredutível, distensão abdominal discreta e irritação peritoneal. A conduta cirúrgica mais indicada nestas circunstâncias consiste de:

A. cirurgia
B. rotina radiológica para abdome agudo
C. avaliação laboratorial e repouso absoluto
D. hidratação hidroeletrolítica e conduta expectante
E. sedação inicial seguida de tentativa de redução da tumoração

    

 

12) Entre as seguintes tumores, tem origem mesenquimal:

A. quemodectoma
B. coriocarcinoma
C. rabdossarcoma
D. condroma
E. não seminoma

    

 

13) Homem de 71 anos apresenta queimadura de espessura total (III grau) no pescoço, tronco e períneo, acometendo 35% do total de superfície corpórea. Apesar do suporte ventilatório, o paciente desenvolve insuficiência respiratória progressiva. A conduta mais apropriada é:

A. administração de broncodilatadores
B. aumento da reposição volêmica
C. aumento da fração inspirada de oxigênio (FiO2)
D. realizar escarotomia torácica
E. realizar traqueostomia

    

 

14) Encefalopatia portal grau II inclui:

I) Estado profundo de inconsciência
II) confusão mental
III) disartria
IV) ausência de foetor hepatico

São verdadeiras:

A. I, II, III e IV
B. I e IV
C. II e IV
D. somente II
E. somente III

    

 

15) Algumas lesões esofágicas aumentam a incidência de câncer, incluindo o esôfago de Barrett. A estrutura histologica delas e representada por:

A. epitélio colunar tipo intestinal
B. epitélio pavimentoso tipo intestinal
C. epitélio glandular tipo mucoso
D. epitélio pseudoestratificado
E. epitelio keratinizado

    

 

16) Qual o elemento estrutural determinante na diferenciação anatômica entre as hérnias inguinais direta e indireta?

A. triângulo de Hasselbach
B. ânulo inguinal profundo
C. ligamento de Cooper (ileopectíneo)
D. ligamento de Poupart (inguinal)
E. vasos epigástricos inferiores

    

 

17) Dos seguintes sintomas qual não pertence ao quadro clinico da ruptura de aneurisma aortico:

A. dor abdominal
B. diaforese
C. broncoespasmo
D. dorsalgia
E. palidez

    

 

18) Um paciente com estenose mitral que apresenta veias distendidas no pescoço, hepatomegalia, ascite e edema periférico, combinados com um componente pulmonar da segunda bulha (BII) hiperfonético audível, levanta a suspeita de:

A. cardiomegalia com insuficiência cardíaca global
B. estenose e insuficiencia valvular combinadas
C. rotura de musculo papilar
D. endocardite evolutiva
E. hipertensão pulmonar significativa

    

 

19) No choque anafilático ocorre:

A. redução da capacitância vascular
B. constricção arteriolar
C. grande perda de plasma para o espaço intravascular
D. broncodilatação
E. liberação de bradicinina pelos mastócitos

    

 

20) Durante a endoscopia, devem ser coletadas biópsias em volta da cratera ulcerosa para facilitar o diagnóstico histológico. Sobre esta manobra pode se afirmar que:

A. precisa de sete ou mais pontos de biópsia
B. geralmente revela apenas restos necróticos
C. a precisão diagnostica do procedimento chega a 98% se for associada com escovação
D. a prova de biópsia tem que ser recoltada da própria cratera ulcerosa
E. a escovação citologica da ulcera tem que ser evitada - apesar de não aumentar a precisão do diagnostico pode causar sangramento

    

 

PEDIATRIA (10 QUESTÕES)

21) Lactente de 8 meses de idade é levado ao Posto de Saúde devido a quadro de febre e tosse. Durante a consulta verifica-se que, à exceção da BCG e da vacina anti Hepatite B administradas ao nascer, não recebeu outras vacinas. De acordo com as recomendações do Ministério da Saúde, esse lactente deverá receber as vacinas:

A. anti-Hepatite B, anti-hemófilo, antipneumocócica, tríplice bacteriana, antipoliomielite e anti-sarampo
B. anti-hepatite B, anti-hemófilo, tríplice bacteriana, antipoliomielite e anti-sarampo
C. anti-hepatite B, anti-hemófilo, tríplice bacteriana, antipoliomielite e tríplice viral
D. anti-hepatite B, anti-hemófilo, tríplice bacteriana e antipoliomielite
E. anti-hemófilo, tríplice bacteriana, antipoliomielite e anti-sarampo

    

 

22) Adolescente de 13 anos, sexo masculino, vem à consulta com queixas de dores no joelho esquerdo, nas costas e no pé direito. Mãe relata que seu filho pratica voleibol cinco vezes na semana por duas horas e que há 20 dias reclamou de dores no joelho esquerdo, sem comprometer a sua vida normal, mas que ficava inchado e vermelho. O pediatra da emergência disse que eram dores do crescimento e prescreveu anti-inflamatórios com pequena melhora. Passou a reclamar de dor no calcanhar direito e dores nas costas que melhoravam durante o dia e com o exercício físico. Nega febre e viroses. Exame físico: bom estado geral, altura: 170 cm, IMC: 18,01, Tanner: G3P3. Exame articular: discreto edema em joelho esquerdo, sem limitação de movimentos, dor à digito-pressão de sacroilíacas, dor na região lombossacra e dor na inserção do tendão de Aquiles. Para confirmar sua hipótese diagnóstica, deve ser solicitado:

A. anticorpo anti-Sm
B. fator reumatoide (FR)
C. alfa1- glicoproteína ácida
D. fatores antinucleares (FAN)
E. antígeno leucocitário humano (HLA) B27

    

 

23) Em casos de congestão nasal são mais envolvidos:

A. o vestibulo nasal
B. o laringofaringe
C. o istmo orofaríngeo
D. os turbinados inferior e médio
E. a porção anterior da cavidade nasal

    

 

24) A suspeita de uma rinossinusite bacteriana na criança deve ocorrer quando:

A. sintomas de uma infecção viral de vias aéreas superiores pioram após o quinto dia
B. há tosse que ocorre durante o dia e piora quando a criança encontra-se em posição supina
C. durante a evolução de infecção viral de vias aéreas superiores aparece edema e/ou eritema palpebral, cefaléia intensa com irritabilidade, alterações visuais
D. há dor facial, cefaléia, edema e sensibilidade a percussão da face.
E. aparece durante uma infecção viral de vias aéreas superiores: proptose, vermelhidão e dor ocular

    

 

25) Lactente de 16 meses é levado à consulta e a mãe que se queixa de ele não estar falando nenhuma palavra. De acordo com ela, os demais marcos do desenvolvimento estão adequados. Não refere nenhuma intercorrência, além de resfriado comum e otite média aguda. Os índices de peso/idade, altura/idade e peso/altura estão no percentil 50. Exame físico: nenhuma alteração. A conduta correta neste caso é:

A. orientar a mãe, já que é normal que a criança não fale nessa idade
B. investigar a audição e orientar a mãe a procurar tratamento fonoaudiológico
C. orientar a mãe para estimular a fala através da socialização com outras crianças
D. pensar em transtorno do espectro autista e encaminhar para avaliação fonoaudiológica
E. investigar a audição, pensar em transtorno do espectro autista e iniciar tratamento fonoaudiológico

    

 

26) A baixa estatura é definida como :

A. relação entre o segmento superior e inferior do corpo (SS/SI) menor que 1,5
B. idade ossea atrasada
C. altura abaixo de percentil 2,5
D. desaceleração no crescimento linear antes do início da puberdade
E. ganho ponderal associádo ao déficit de crescimento linear

    

 

27) Uma mãe leva seu filho de 16 anos de idade, que possui doença falciforme, ao departamento de emergência com "dificuldade em respirar". Ele estava bem até aproximadamente 1 semana atrás, quando começou a apresentar dor bilateral nas pernas e braços, que são os sítios habituais de dor falciforme. Ele estava tomando ibuprofeno e codeína em casa com algum alívio da dor. A dor piorou na noite anterior, e ele também começou a ter febre de 38,6°C. Nesta manhã, ele começou a ter dor torácica e dificuldade em efetuar respirações profundas e, por esta razão, sua mãe o trouxe ao pronto-socorro. O paciente teve várias outras internações decorrentes da doença falciforme para controle de dor nas crises vaso- oclusivas. Ele nunca recebeu uma transfusão sanguínea. No exame físico, o paciente está acordado e alerta, porém claramente em dor. Suas estão bilateralmente ictéricas. Ele apresenta um sopro sistólico de ejeção 3/6 e sons respiratórios reduzidos na base do pulmão direito. O restante de seu exame está normal. A contagem de leucócitos do paciente é de 16.5007uL, com uma hemoglobina de 6,5 g/dL e uma contagem de plaquetas de 426.0007uL Seu diferencial possui 65% de neutrófilos, 25% de linfócitos, 8% de monócitos e 2% de eosinófilos. A contagem de reticulócitos é de 18,6%. Uma radiografia torácica revela um pequeno infiltrado no lobo inferior direito do pulmão.
Neste momento, o paciente provavelmente possui qual das complicações da doença falciforme?

A. sequestro esplénico
B. crise aplásica
C. priapismo
D. síndrome aguda do tórax
E. infarto esplénico

    

 

28) Qual o perfil de uma criança portadora de uma imunodeficiência?

A. O crescimento e o desenvolvimento são normais, apresentam quadros agudos de infecção, no entanto, passando bem entre os episódios de doença
B. Apresentam antecedentes familiares de alergia, mas o crescimento e o desenvolvimento são normais apesar dos surtos de doença respiratória e da pouca resposta aos antibióticos
C. O desenvolvimento está prejudicado e todas as vacinas são contraindicadas
D. O desenvolvimento não é satisfatório e apresenta infecções frequentemente graves, com complicações e sequelas
E. O desenvolvimento não é satisfatório e somente as vacinas inativadas são contraindicadas.

    

 

29) Sobre o choque em pediatria podemos afirmar:

A. basicamente, é definido pelas baixas valores da pressão sistolica e diastolica
B. o primeiro mecanismo compensatório é o aumento da frequência cardíaca
C. o iniciador mais comum da cascata inflamatória do choque séptico é e leucotriena IL8
D. o trauma craniano isolado é uma causa frequente de choque
E. o uso de agentes pressóricos é vital no tratamento da hipovolemia do choque

    

 

30) Qual das alternativas abaixo não é um critério principal para o diagnóstico de febre reumática aguda?

A. eritema marginado
B. cardite
C. coreia
D. artralgia
E. artrite

    

 

OBSTETRICIA GINECOLOGIA (10 QUESTÕES)

31) A mais rara forma de gravidez ectópica, sendo ela de mais difícil diagnostico, necessitando laparotomia:

A. tubária
B. ovariána
C. abdominal secundária
D. intraligamentaria
E. de Douglas

    

 

32) Ovário palpável a uma pessoa a menopausa significa:

A. ovário policistico
B. neoplasia ovariána
C. terapia de reposição hormonal em curso
D. hiperfunção adrenal
E. ooforite autoimune

    

 

33) Na gravidez ectopica o sintoma mais presente é:

A. Dor abdominal
B. Atraso menstrual
C. Sangramento vaginal
D. Massa anexial dolorosa
E. Mobilização dolorosa do colo uterino

    

 

34) Entre os remédios utilizados para a terapia da menopausa, administramos com intúito de reduzir a absorção óssea:

A. o raloxifeno
B. a progesterona micronizada
C. o noretindronate
D. altas doses de fluorura de sódio
E. o Acticalcin (calcitonina spray nasal)

    

 

35) A interrupção da gravidez realizada por motivo de presença do síndrome de Down no feto seria um abortamento:

A. terapêutico
B. seletivo
C. criminoso
D. sentimental
E. judicial

    

 

36) A tuberculose uterina pode ser confirmada com:

A. histerosalpingografia
B. tomografia computerizada de abdômen
C. ultrassonografia transvaginal
D. tomografia com emissão de positrons
E. punção biópsia

    

 

37) A droga mais usada no mundo para o controle da hipertensão da gestante é:

A. o sulfato de magnésio
B. o cedilanid
C. a metildopa
D. o nitroprussiato
E. o labetalol

    

 

38) Gestante diabética, insulino-dependente, durante o segundo trimestre da gravidez apresenta necessidades decrescentes de insulina para controle da glicemia. Este quadro indica a ocorrência de:

A. gemelaridade imperfeita
B. insuficiência placentária
C. macrossomia fetal
D. polidrâmnio agudo
E. espinha bífida

    

 

39) O diagnostico de confirmação do papiloma intraductal de mama consta em:

A. apalpação e seguimento da secreção
B. mamografia
C. citologia do flúido
D. galactografia com contraste
E. nenhuma acima enumeradas

    

 

40) O uso do ultra ultra-som trans trans-vaginal revolucionou o diagnóstico e o tratamento da gravidez inicial. A primeira estrutura a ser vista pela USG-TV é:

A. o saco gestacional
B. o embrião
C. a vesicula vitelinica
D. o zigóto
E. a morula

    

 

 

SAUDE PUBLICA (10 QUESTÕES)

41) Seria INCORRETO um médico fazer diagnóstico presuntivo de doença ocupacional em pacientes que trabalham em atividades que lidam com:

A. sílica
B. berílio
C. ozônio
D. asbesto
E. radiações ionizantes

    

 

42) As pneumoconioses são causadas por:

A. inalação de poeiras de origem mineral e outros tipos de poeiras
B. inalação de vapores de niquel
C. inalação de vapores de enxofre
D. sobrecarga de trabalho
E. inalação de vapores de cádmio

    

 

43) Criança nascida de parto normal aos 7 meses, aproximadamente, após gestação sem intercorrências. A mãe apresentou descolamento prematuro de placenta, chegando ao hospital em choque. A criança faleceu 1 hora após o nascimento. Com relação ao preenchimento da declaração de óbito da criança, pode-se afirmar que a causa básica e a terminal são, respectivamente:

A. descolamento prematuro de placenta e choque hemorrágico
B. descolamento prematuro de placenta e anóxia
C. anóxia e descolamento prematuro de placenta
D. anóxia e choque hemorrágico
E. anóxia e anóxia neonatal

    

 

44) O Framingham Heart Study é:

A. um ensaio clínico randomizado
B. uma metanálise
C. um estudo caso-controle
D. estudo de prevalência
E. estudo de coorte

    

 

45) As lesões por esforços repetitivos (LER) hoje intituladas DORT (distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho) são um grande problema de saúde pública em nosso meio. Pode- se afirmar que:

A. as causas dessas patologias são por desajustes na organização do trabalho e devido ao esforço repetitivo
B. vários fatores influenciam o desencadeamento dos DORT: a organização do trabalho, a jornada, aspectos biomecânicos. aspectos gerenciais e aspectos psicossociais
C. o desemprego no país é hoje a causa principal do aparecimento desta patologia
D. o afastamento da função e mudança de local de trabalho ou diminuição da velocidade de exercício das tarefas tem levado a um restitutio ad integrum para estas patologias
E. o fortalecimento do aparelho biomecânico. principalmente dos membros superiores, tem evitado o surgimento deste grupo de patologias

    

 

46) Entende - se por Relatório de Gestão, no contexto do SUS:

A. instrumento mensal de acompanhamento das atividades desenvolvidas pelos hospitais contratados;
B. instrumento de prestação de contas, passível de auditoria, condição necessária para habilitação pela NOB-96;
C. instrumento de auditoria analítica, instituído pela NOAS 01/2001;
D. instrumento mensal de divulgação de balanços financeiros, encaminhado ao governo federal diretamente pelas secretarias de saúde;
E. instrumento que objetiva programar as atividades e metas da Secretaria Estadual ou Municipal de Saúde nos próximos 5 (cinco) anos.

    

 

47) O Sistema Único de Saúde, o SUS, é formado pelo:

A. as entidades filantrópicas e as sem fins lucrativos, complementadas com iniciativa privada, que é permitido participar desse Sistema de maneira complementar
B. um "duplo comando" na área da saúde, o Ministério da Saúde cuidando das ações preventivas e o Ministério da Previdência Social incumbindo-se pela prestação dos serviços médicos curativos.
C. conjunto de todas as ações e serviços de saúde prestados por órgãos e instituições públicas e federais, estaduais e municipais, da administração direta e indireta e das fundações mantidas pelo poder público
D. Técnicos do setor saúde, acadêmicos, secretários de saúde, simpatizantes da discussão de saúde, com tarefa de aplicar o Plano CONASP e as Ações Integradas de Saúde (AIS)
E. o Ministério da Saúde, a Fundação Nacional de Saúde e o Subsistema de Atenção à Saúde Indígena

    

 

48) O projeto de Lei Complementar n.º 01/2003, que regulamenta a emenda constitucional n.º 29/2000, foi debatido e aprimorado nas Conferências e Conselhos de Saúde, além de ter sido apreciado nas Comissões de Seguridade Social e Família, de Finanças e Tributação e da Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados. Assinale o que determinava essa emenda constitucional.

A. Estabelecimento da contrapartida estadual de verbas para a Saúde em 18% da receita bruta de cada estado.
B. Isenção de contrapartida municipal de verbas para a Saúde aos municípios com menos de 30.000 habitantes.
C. Estabelecimento da contrapartida federal de verbas para a Saúde em 10% da receita bruta da União, o que, à época, correspondia a US$ 30,00 per capita ao ano.
D. Acréscimo de 50% da contrapartida federal de verbas para a Saúde aos municípios com menos de 100.000 habitantes.
E. Acréscimo de 35% da contrapartida estadual de verbas para a Saúde aos municípios com menos de 50 000 habitantes.

    

 

49) Definimos o óbito como:

A. a morte que ocorre no hospital, após o registro do paciente, independentemente do tempo de internação.
B. a morte cuja causa básica é uma doença ou um estado mórbido
C. o desaparecimento permanente de todo sinal de vida, em um momento qualquer depois do nascimento, sem possibilidade de ressuscitação
D. a morte que sobrevém em paciente que não teve assistência médica, durante a doença
E. a morte que decorre de uma lesão provocada por violência (homicídio, suicídio, acidente ou morte suspeita), qualquer que seja o tempo decorrido entre o evento e o óbito.

    

 

50) Leia com atenção as seguintes afirmações:

I - No período entre 1970 e 2000. as estatísticas oficiais brasileiras mostram acentuada queda na ocorrência de acidentes de trabalho, acompanhada de estabilização da ocorrência de doenças profissionais até metade da décadade 80. época em que se inicia crescimento no número anual dessas doenças até as proximidades do ano de 2000.
II - O Ministério da Previdência e Assistência Social brasileiro incorporou à sua lista de doenças profissionais, as Listas A e B elaboradas a pedido do Ministério da Saúde. As novas listas discriminam as doenças de acordo com a Natureza da Lesào e suas Causas Externas, definidas na Classificação Internacional de Doenças (CID 10). restringindo o número de patologias anteriormente reconhecidas como relacionadas ao trabalho.
III - O reconhecimento da existência de nexo causal entre uma patologia e a vida laboral de um trabalhador baseia-se essencialmente na identificação dos agentes a que esse trabalhador esteve exposto.

Pode-se afirmar que:

A. as afirmações I. II e III estão corretas
B. as afirmações I. II e III estão erradas
C. as afirmações I e II estão corretas e a III. incorreta
D. a afirmação I está correta e as afirmações II e III, incorretas
E. a afirmação I está incorreta e as afirmações II e III, corretas

    

 

 

SAIR